Buscar

Provérbios 9 - Sabedoria x Insensatez

9:1-6 A festa

“A sabedoria já edificou a sua casa, já lavrou as suas sete colunas. Já abateu os seus animais e misturou o seu vinho, e já preparou a sua mesa. Já ordenou às suas criadas, e está convidando desde as alturas da cidade, dizendo: Quem é simples, volte-se para cá. Aos faltos de senso diz: Vinde, comei do meu pão, e bebei do vinho que tenho misturado. Deixai os insensatos e vivei; e andai pelo caminho do entendimento.”

Esse trecho nos conta que a sabedoria preparou uma grande festa, sua provisão é farta. Os convidados são muitos, porém eles devem deixar a companhia dos insensatos para entrar no banquete. A festa da sabedoria terá as melhores provisões, quem comer do pão que ela serve jamais sentira fome. Essa festa jamais acaba e quem convida você para participar é o próprio Deus.

9:7-9 Quem da valor a instrução

"O que repreende o escarnecedor, toma afronta para si; e o que censura o ímpio recebe a sua mancha. Não repreendas o escarnecedor, para que não te odeie; repreende o sábio, e ele te amará. Dá instrução ao sábio, e ele se fará mais sábio; ensina o justo e ele aumentará em entendimento.”

O escarnecedor/zombador que a passagem fala é a pessoa que não é ensinável, independente do que acontecer essa achará que sabe como agir. Corrigir ou orientar essa pessoa irá trazer desgastes e aborrecimento. Ele estará longe de observar suas atitudes e arrepender-se, irá odiar o repressor e ataca-lo. O sábio é aquele que é ensinável, quando um sábio é repreendido ele agradece e passa a amar o repreensor. O sábio é humilde e reconhece os seus erros. Quem você é quando alguém te instrui ou admoesta? 9:10-11 O temor ao Senhor

“O temor do Senhor é o princípio da sabedoria, e o conhecimento do Santo a prudência. Porque por meu intermédio se multiplicam os teus dias, e anos de vida se te aumentarão”

Mais uma vez Salomão está falando sobre o temor do Senhor. Temer a Deus não é ter medo dEle, mas demonstrar reverencia. O temor do Senhor pode facilmente ser a síntese do livro de Provérbios, de maneira que ele é o grande freio moral. Temer a Deus é conhecê-lo, honrá-lo e obedecer-lhe. 9:12-18 O convite da mulher adultera

"Se fores sábio, para ti serás sábio; e, se fores escarnecedor, só tu o suportarás. A mulher louca é alvoroçadora; é simples e nada sabe. Assenta-se à porta da sua casa numa cadeira, nas alturas da cidade, E põe-se a chamar aos que vão pelo caminho, e que passam reto pelas veredas, dizendo: Quem é simples, volte-se para cá. E aos faltos de entendimento ela diz: As águas roubadas são doces, e o pão tomado às escondidas é agradável. Mas não sabem que ali estão os mortos; os seus convidados estão nas profundezas do inferno."


Novamente a insensatez é representada pela mulher adultera, uma pessoa sedutora que coloca-se a sua frente e te convida para o pecado. Muitas vezes o pecado pode parecer doce e prazeroso, mas por trás dele tudo o que será encontrado é morte. Lembre-se: somente os puros de coração verão Deus.



Referências:

BRUCE, E. Comentário Bíblico NVI: Antigo e Novo Testamento. São Paulo: Editora Vida, 2008.

LOPES, Hernandes Dias. Provérbios: manual de sabedoria para a vida. São Paulo: Hagnos, 2016.

PFEIFFER, Charles. Comentário Bíblico Moody: Volume 1. São Paulo: Editora Batista Regular,2019.

KIDNER, Derek. Provérbios: introdução e comentário. São Paulo: Mundo Cristão, 1980.

WIERSBE, Warren. Comentário Bíblico Expositivo: Antigo Testamento: Volume III, Poéticos. São Paulo: Geográfica editora, 2006.

© VEM E VAMOS 
created by Danielli Cadore
 

  • Preto Ícone Spotify

DANIELLI CADORE

Obrigada por estar aqui!
me acompanhe no instagram
  • Instagram