Buscar

18 - Estabelecendo prioridades

“Caminhando Jesus e os seus discípulos, chegaram a um povoado onde certa mulher chamada Marta o recebeu em sua casa. Maria, sua irmã, ficou sentada aos pés do Senhor, ouvindo a sua palavra. Marta, porém, estava ocupada com muito serviço. E, aproximando-se dele, perguntou: ‘Senhor, não te importas que minha irmã tenha me deixado sozinha com o serviço? Dize-lhe que me ajude!’”. – Mateus 10: 38-40


Lendo esses versículos, sabemos claramente que a prioridade de Marta era deixar tudo em ordem para Jesus, enquanto a prioridade de Maria era aprender com o Mestre. E aqui aprendemos também que estabelecer prioridades é organizar nossos dias e nosso tempo. Nós precisamos dessa organização para aproveitar nossa vida, além de administrar nosso trabalho, estudos, família e ministério com sabedoria.


Se organização não fosse importante, o Criador teria feito a Terra e tudo que há no universo de uma vez só, mas Ele, como um Senhor de ordem, estabeleceu o que cada coisa viria primeiro. E assim, Sua prioridade, antes de qualquer coisa, foi fazer a separação entre luz e trevas, e após tudo ter sido criado, Ele fez o primeiro ser humano: Adão. Ou seja, estabelecer prioridades para tudo que formos fazer na nossa vida e ter organização nos nossos afazeres e tempo é algo divino.


Mas precisamos tomar cuidado, pois o estabelecimento de prioridades pode virar uma preocupação e gerar ansiedade. E essas coisas podem paralisar não só nossa vida cotidiana, mas nossa fé. A preocupação nada mais é do que assumir uma função que não nos foi delegada, e Jesus nos ensinou que essa não é nossa responsabilidade, não precisamos ficar angustiadas e inquietas.


E isso é extremamente importante para nós mulheres, porque temos a habilidade de fazer muitas coisas ao mesmo tempo e facilmente ficamos sobrecarregadas, por isso, dividir as prioridades de cada área da nossa vida é algo que devemos aplicar nesse novo ano, assim aproveitaremos nosso tempo e deixaremos as preocupações no lugar correto: nas mãos do Senhor.


A prioridade de nossas vidas deve sempre ser o Senhor, em seguida deve vir nossa família e casa, após, nosso ministério e por fim, o trabalho e estudos. Cada área dessas é importante, mas acima de tudo deve vir nosso relacionamento com Jesus Cristo. Nossa vida espiritual deve ser trabalhada todos os dias a cada instante, não só quando vamos à igreja. E esse foi o ensinamento que Maria nos deu:


“Respondeu-lhe o Senhor: ‘Marta! Marta! Andas inquieta e te preocupas com muitas coisas. Entretanto, pouco é necessário ou mesmo uma coisa só; Maria, pois, escolheu a boa parte, e esta não lhe será tirada’”. – Lucas 10: 41, 42.


O Espírito Santo está aqui para lhe ensinar a administrar seu tempo e suas tarefas de maneira inteligente, por isso, faça como Maria e sente-se aos pés do Amado para ouvi-lo. E para lhe ajudar a estabelecer suas prioridades, quero compartilhar algumas coisas que aprendi com o Senhor:


1) Se alguma coisa estiver ameaçando lhe perturbar e roubar sua paz, ore e entregue para Deus. Peça para Ele lhe dar paz e guiar os passos que você precisa dar com relação ao que acontece.

2) Busque ao Senhor sempre! Esse foi o grande ensinamento de Jesus Cristo: “Ele, porém, se retirava para lugares solitários e orava.” – Lucas 5:16

3) Invista em pessoas, pois essa é uma das coisas mais poderosas a se fazer no Reino de Deus! As pessoas gostam de ser valorizadas e amadas, por isso, mais do que presenteá-las, dedique seu tempo e dê oportunidade para elas exercerem seus dons e talentos.

4) Creia que o Senhor suprirá cada uma das suas necessidades, sejam elas grandes ou pequenas. A provisão virá de onde você menos imaginar, “(...) porque Deus, o vosso Pai, sabe o de que tendes necessidade, antes que lho peçais”. – Mateus 6:8b.


Por Karina Marques