Buscar

20 - A inveja nos impede de ter contentamento

Pois onde há inveja e ambição egoísta, aí há confusão e toda espécie de males. Tiago 3:16

A inveja surge de uma tristeza ou, até mesmo, raiva com a felicidade alheia. Esse é um pecado que maltrata quem o pratica e o leva muitas vezes a cometer outros atos pecaminosos que reforçam a sua postura, como: fofoca e discórdia, que por sua vez também atingem quem é invejado.


Esse sentimento passa por um descontentamento do invejoso com a sua própria realidade. O não estar contente com alguma situação ou circunstância da vida muitas vezes nos move a buscar soluções, e isso pode ser muito positivo. Contudo, não deve nos impedir de celebrar a vida e a conquista do nosso irmão. Porém, quando a amargura surge através do descontentamento, a inveja encontra um solo fértil para nascer.


Quando o meu coração estava amargurado e no íntimo eu sentia inveja, agi como insensato e ignorante; minha atitude para contigo era a de um animal irracional. Salmos 73:21-22


Não permita que a amargura e a tristeza deste mundo contaminem a sua vida a ponto de você amaldiçoar a benção que alguém recebeu. Cada um de nós tem uma história, uma trajetória, um chamado. Nem tudo acontece ao mesmo tempo na vida de todos, e muitas situações podem, inclusive, não acontecerem ou serem realizadas de formas totalmente diferentes. Em nenhuma dessas situações significa que o Senhor está atrasado ou que não se importa com a sua vida.


A bíblia nos diz que Deus conhece até mesmo a quantidade de fios dos nossos cabelos, isso quer dizer que ele sabe das nossas necessidades e anseios. Contudo, ele tem um plano para cada um de nós, e é isso que realmente importa. Quando cedemos à comparação e ao descontentamento, estamos dizendo de certa forma: “Senhor, tu não és suficiente na minha vida”, e isso é muita ingratidão para com o nosso Deus misericordioso. Afinal, ele deu o seu filho para morrer por nós e nos aceita como filhos, mesmo não merecendo. Qualquer coisa que tivermos nesta vida já é bondade dele, porque Cristo deve ser a suficiência das nossas vidas!


Quando a inveja entra nas nossas vidas ela nos leva a sentir tristeza pela conquista alheia, mas também a desdenhar e comentar com outra pessoa algo negativo sobre a conquista da pessoa invejada. Em casos mais graves, tem quem faça o outro perder o objeto desejado, como uma promoção profissional. E essas posturas vão contra a tudo aquilo que o nosso mestre pregou e viveu, além de muitas vezes nos fazer ter uma ótica distorcida da realidade.

Mas quando se manifestaram a bondade e o amor pelos homens da parte de Deus, nosso Salvador, não por causa de atos de justiça por nós praticados, mas devido à sua misericórdia, ele nos salvou pelo lavar regenerador e renovador do Espírito Santo, que ele derramou sobre nós generosamente, por meio de Jesus Cristo, nosso Salvador. Tito 3:4-6

Jesus nos convida a celebrar a vitória do outro, a nos alegrarmos com quem está alegre. E Ele é sempre pronto a perdoar as nossas falhas. A minha oração é que cada um nós abandonemos a comparação das nossas vidas com a estação da vida de alguém, quer seja nosso irmão ou não. Que o amor regenerador do Senhor os encontre a cada dia e nos liberte de qualquer inveja!


Por Camilla Melo


© VEM E VAMOS 
created by Danielli Cadore
 

  • Preto Ícone Twitter
  • Preto Ícone Spotify

DANIELLI CADORE

Obrigada por estar aqui!
me acompanhe no instagram
  • Instagram