11 - Satisfação dos meus desejos

Nós sabemos que tanto o prazer quanto a relação sexual foram criados por Deus e para o nosso bem, mas essas coisas possuem a hora certa, que é dentro do matrimônio. A luxúria ignora isso e diz que precisamos satisfazer nossos desejos mais intensos e profundos acima de qualquer coisa, até mesmo da Palavra de Deus, deixando de lado as consequências que isso nos trará.


A luxúria é o que impulsiona os pecados de prostituição, adultério, incesto, masturbação, violência sexual e outros. Por mais que ela se venda como algo para trazer prazer, no final, ela produz insatisfação, pois você sempre irá querer mais e nunca se sentirá realizada. E como todo pecado, ela vicia e te leva para o abismo.


Uma coisa que precisamos entender é que a satisfação plena, em todas as áreas da nossa vida só é encontrada em Jesus. E porque Ele é santo, nós devemos buscar a santidade. Não devemos cair na conversa fiada de satanás de que é só uma mensagem de texto, de que sexo antes do casamento é coisa do passado ou que é só uma piadinha boba de cunho sexual. Qualquer coisa que insinue sexo ou se refira a relações sexuais entre pessoas que não são casadas é pecado. E isso não vai mudar só porque você não concorda.


A Palavra deixa claro em Efésios 5:3-4 que entre nós cristãos não deve haver menção de imoralidade sexual, qualquer espécie de impureza e cobiça, e muito menos conversas obscenas. E sabe o por quê? Porque não é preciso ter contato físico com alguém para cometer pecado. Tudo começa na nossa mente e a nossa boca produz o que sai dela e do nosso coração.


Satanás sempre irá se levantar com uma desculpa esfarrapada para lhe dizer que isso é bom, que você vai sentir prazer, que vai alimentar seu ego e sua vaidade, e você se sentirá maravilhosa. É por isso que Jesus nos deixou o lembrete de que o diabo é mentiroso e veio para roubar, matar e destruir. Não permita que ele roube de você a Palavra de Deus que é pura e real, não deixe que ele mate e destrua sua vida espiritual lhe afastando da maravilha que será desfrutar da vida eterna com Cristo!


Você deve guardar não somente seu corpo, mas seu coração, pois dele depende toda sua vida (Pv 4:23). Deve guardar o coração porque envolvimento emocional deixa marcas que podem durar pelo resto de nossas vidas. Deve guardar sua mente porque o pensar também é pecar. E fomos orientados que tudo o que for verdadeiro, tudo o que for nobre, tudo o que for correto, tudo o que for puro, tudo o que for amável, tudo o que for de boa fama, se houver algo de excelente ou digno de louvor, devemos pensar nessas coisas. (Fp 4:8).


Faça uso do seu domínio próprio e se afaste de toda impureza e pecado. Deus quer que você desfrute do prazer que Ele criou no tempo certo e da maneira certa. Deus quer que você viva uma vida plena e solta das amarras de satanás.


Se a sua carne e os seus desejos estão sempre lhe dominando, como você irá desfrutar das promessas de Deus? Como você irá alcançar o sucesso? “Foi para a liberdade que Cristo nos libertou. Portanto, permaneçam firmes e não se deixem submeter novamente a um jugo de escravidão. (...) Por isso digo: vivam pelo Espírito, e de modo nenhum satisfarão os desejos da carne. Pois a carne deseja o que é contrário ao Espírito; e o Espírito, o que é contrário à carne. Eles estão em conflito um com o outro, de modo que vocês não fazem o que desejam. (...) Os que pertencem a Cristo Jesus crucificaram a carne, com as suas paixões e os seus desejos. Se vivemos pelo Espírito, andemos também pelo Espírito.” – Gálatas 5:1, 16, 17, 24, 25.


E se você pecou, lembre-se que na mesma Bíblia em que você lê palavras de orientação, você encontra palavras de redenção e perdão. Não importa qual tenha sido seu pecado, o Senhor está sempre pronto para escrever uma nova história, e em Jesus Cristo nós encontramos a remissão dos nossos pecados. Você só precisa:


1) Pedir perdão e confessar seu pecado

“Se afirmarmos que temos comunhão com ele, mas andamos nas trevas, mentimos e não praticamos a verdade. Se, porém, andamos na luz, como ele está na luz, temos comunhão uns com os outros, e o sangue de Jesus, seu Filho, nos purifica de todo pecado. Se afirmarmos que estamos sem pecado, enganamo-nos a nós mesmos, e a verdade não está em nós. Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para perdoar os nossos pecados e nos purificar de toda injustiça.” – 1 João 1:6-9

“Portanto, confessem os seus pecados uns aos outros e orem uns pelos outros para serem curados. A oração de um justo é poderosa e eficaz.” – Tiago 5:16


2) Fugir da tentação

“Fujam da imoralidade sexual. Todos os outros pecados que alguém comete, fora do corpo os comete; mas quem peca sexualmente, peca contra o seu próprio corpo. Acaso não sabem que o corpo de vocês é santuário do Espírito Santo que habita em vocês, que lhes foi dado por Deus, e que vocês não são de si mesmos? Vocês foram comprados por alto preço. Portanto, glorifiquem a Deus com o corpo de vocês.” – 1 Coríntios 6:18-20


3) Controlar seus pensamentos e guardar o coração

“Não se amoldem ao padrão deste mundo, mas transformem-se pela renovação da sua mente, para que sejam capazes de experimentar e comprovar a boa, agradável e perfeita vontade de Deus.” – Romanos 12:2


O padrão do estilo de vida com Deus pode ser alto e muitas vezes difícil, mas é porque Ele sabe melhor do que eu e você que no final valerá a pena! E quero finalizar com o trecho do livro Mentiras em que as Garotas Acreditam e a Verdade que as Liberta: “Reconhecemos que a espera pode ser solitária. Não estamos dizendo que não haverá dias em que você gostaria de ter alguém para lhe dar flores ou abraçá-la, ou compartilhar a vida com você. O que estamos dizendo é que a recompensa de longo prazo, resultante da união que terá com o marido que Deus escolheu para você, vai superar a solidão que você sente agora.”


Por Karina Marques