Buscar

01- Histórias que não são nossas

"Evite as conversas inúteis e profanas, pois os que se dão a isso prosseguem cada vez mais para a impiedade." 2 Timóteo 2:16


“Há seis coisas que o Senhor odeia, sete coisas que ele detesta: olhos altivos, língua mentirosa, mãos que derramam sangue inocente, coração que traça planos perversos, pés que se apressam para fazer o mal, a testemunha falsa que espalha mentiras e aquele que provoca discórdia entre irmãos.” Provérbios 6:16-19


Ao longo de toda a escritura encontraremos inúmeros versículos que discorrem sobre o poder das palavras. Do antigo ao novo testamento somos alertados sobre o uso da nossa boca e suas consequências. Estamos tão acostumados a nos preocuparmos com pecados “maiores” que nos esquecemos de que em nossa língua está o poder sobre a vida e sobre a morte (Pv 18;21;) e que esta é, naturalmente, um poço de iniquidade e que pode colocar em chamas o curso da nossa existência (Tiago 3;4-5)


Dentre os muitos pecados provenientes da nossa boca, a fofoca está entre os mais recorrentes. Definida como o ato de divulgar informações sobre a vida de outras pessoas, verdadeiras ou não, muitas vezes com o intuito de causar intrigas ou especular sobre a vida de alguém, a fofoca pode causar grandes danos e destruição, pois junto com ela podem vir a difamação, a calúnia, a desonra, a ridicularização e a ofensa.


O estilo de vida Santo que Deus pede de nós não inclui conversas e especulações sobre a vida do próximo. Por mais inofensivo que pareça ser, o plano de Deus pra nós nunca foi fofocar sobre a roupa que fulana usou, sobre o novo namorado de alguém ou especular sobre a conta bancária dos irmãos, muito menos falar sobre os pecados cometidos pelo próximo, relembrar escândalos e difamar caráter. Não temos o direito de falar sobre histórias que não são nossas e sobre assuntos que não dizem respeito a nós.


Nossos pecados não são cometidos somente contra alguém, em primeiro lugar, são cometidos conta Deus e sua santidade. Não importa se as pessoas nunca descobrirão o que foi falado delas, nada pode ser escondido de Deus. Se algum dia tudo fosse revelado e seu amigo descobrisse o que você disse sobre ele, ainda seria seu amigo? Se você ouvisse o que falam de você às escondidas, ainda olharia para essas pessoas da mesma forma ou ficaria chateada?


Hoje, que possamos refletir sobre a natureza das nossas palavras e suas implicações diante de Deus e dos homens e que busquemos colocar em prática o ensinamento que Jesus nos deu “Assim, em tudo, façam aos outros o que vocês querem que eles lhes façam; pois esta é a Lei e os Profetas" (Mateus 7;12).

Por Maria Eduarda Batistetti

© VEM E VAMOS 
created by Danielli Cadore
 

  • Preto Ícone Spotify

DANIELLI CADORE

Obrigada por estar aqui!
me acompanhe no instagram
  • Instagram